Livro CD Escutatória
Conheça o lançamento do EMCANTAR

ESCUTATÓRIA - CD

A experimentação sonora e o desafio de se fazer canções para crianças - que os adultos também adoram - é explorada em ESCUTATÓRIA pela célula rítmica dos ternos de Moçambique, uma das manifestações do Congado Mineiro, aliada a influências melódicas de Milton Nascimento, Dércio Marques e a experiências de grupos como o Coral dos Meninos de Araçuaí e o barbacenense Ponto de Partida. O resultado são arranjos que exploram diferentes texturas, de timbres e ritmos, com a percussão ocupando papel importante, navegando entre a tradição das cantigas de roda e à introspecção de músicas mais calmas e contemplativas.
As canções passam por temas que significam e ressignificam o real, recriando situações que fazem parte do cotidiano infantil. Trabalham com temas como a valorização da alteridade, o reconhecimento da cultura popular e da brincadeira (em "A Roda", "Brincadeira" e "Cirandeiro"), a contemplação da natureza (em "Lua Rara" e "Pé-D'água"), educação ambiental e a grande problemática atual (em "Terra Marimbondo"), a observação lúdica do mundo (em "Olho da Mina", "Vagamento", "Paisagens de Passagem" e "O Olho da Coruja"), bem como a criação artística numa perspectiva existencial (em "Versejar" e "Escultura"). O repertório conta também com temas instrumentais, como é o caso de "Passeio de Trem", "Caleidoscopia" e "Vento Alegre"

ESCUTATÓRIA - Conto

No conto VAGAMENTO PENSALUME, que foi inspirado nas próprias 14 canções do disco, o personagem principal - "meio bicho-carpinteiro, meio pé de pensamento"-, impõe-se para reverter a "sem-graceza" das crianças e devolver as cores ao mundo. A história é contada por um menino que visita uma fazenda e, estimulado pelo contato com os vagalumes, sonha uma aventura protagonizada por personagens lúdicos de um universo imaginário. A narrativa corre em um cenário artístico-encantado com referências a Guimarães Rosa, Manoel de Barros, às diversas situações do dia-a-dia, além daquelas criadas num mundo fantasioso.

ESCUTATÓRIA - Espetáculo

O espetáculo ESCUTATÓRIA tem o formato de um musical e seu roteiro foi construído a partir do conto. Trata-se de um trabalho artístico empolgante e original, em que as linguagens da música e do teatro se mesclam. Os integrantes surgem entre cenas, cantos e coreografias, encarnando personagens de um mundo lúdico que remete, além do conto, às falas e costumes da tradição popular mineira. O ato de contar histórias é o mote e elemento integrador de toda a apresentação, em que textos, objetos de cena e canções ganham vida, se misturam, fazendo valer a máxima de que "quem conta um ponto aumenta um ponto". O guardião dessas histórias é o personagem Cirandeiro, vivido por Marco Aurélio Querubim, que mora em uma janela ambulante que passeia pelo palco, cheia de apetrechos como o caleidoscópio e o catavento. A inovação e qualidade técnica também chamam atenção. Todos os atores-cantores utilizam microfones de lapela sem fio, que permitem movimentação do canto e dos cantores por todo o palco, sem a limitação espacial das apresentações musicais em que os cantores ocupam posições fixas.

 

 
 
 

© Copyleft 2010 EMCANTAR - Cultura Educação Meio Ambiente.
Rua Maria Augusta de Morais, 04.
Anexo I. Sala 04.
Conjunto Alvorada.
Uberlândia (MG)
CEP: 38407-069
Fone: (34) 3222-7874 / 7764 / 7966

QuipusO WebSite EMCANTAR.ORG conta com a tecnologia
em gestão de conteúdos da QUIPUS Conteúdo Digital.
www.quipus.com.br